• denuncias
  • peticionamento
  • Mediação
  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • liberdade sindical
  • meio ambiente
  • promocao igualdade
  • trabalho escravo
  • trabalho infantil
  • trabalho portuario
  • mov procedimentos
  • autenticidade de documentos
    • atendimento
    • card2
    • card3
    • clique e conheça

    Termo de cooperação entre MPT, MPSP e TRT deve ampliar inclusão de adolescentes em programas de aprendizagem

    O termo de cooperação interinstitucional para desenvolvimento de ações articuladas entre as entidades abrange ações em todo o estado de São Paulo

    São Paulo, 30 de setembro de 2020 - Com o objetivo de ampliar as oportunidades de inclusão de adolescentes em programas de aprendizagem, cursos de formação inicial continuada ou qualificação profissional em todo o Estado de São Paulo, o Ministério Público do Trabalho em São Paulo assinou na quarta-feira, 30/9, um termo de cooperação em que se compromete, juntamente com o Ministério Público do Trabalho em Campinas, o Ministério Público do Estado de São Paulo e os Tribunais Regionais do Trabalho da 2ª e 15ª Regiões, a elaborar Plano de Trabalho que contemple ações para o envolvimento de todos os atores sociais nas esferas municipal, regional e estadual com vistas à garantia de cumprimento das cotas de aprendizagem e contratação dos adolescentes, em especial, aqueles em situação de vulnerabilidade socioeconômica.

    Imprimir

    MPT rejeita denúncias de suposto “racismo” contra empresa

    Magazine Luiza foi denunciado ao órgão por seleção de trainees reservada a negras e negros


    São Paulo, 24 de setembro de 2020 - O Ministério Público do Trabalho em São Paulo indeferiu na última semana uma série de denúncias recebidas contra o Magazine Luiza S/A relatando discriminação por parte da empresa em processo de seleção para trainees voltado para pessoas negras. Para o MPT, o caso concreto não se trata de violação trabalhista, mas sim de uma ação afirmativa de reparação histórica.

    Imprimir

    Evento virtual do MPT, Afropresença promove a inclusão de jovens negros e negras no mercado do trabalho

    Os candidatos poderão cadastrar os currículos durante o evento


    São Paulo, 24 de setembro de 2020 - O Ministério Público do Trabalho em São Paulo em conjunto com o Pacto Global da ONU realiza o evento Afropresença para discutir e promover a inclusão de jovens negros e negras no mercado do trabalho. O encontro virtual acontecerá entre os dias 30 de setembro, 01 e 02 de outubro, das 9h às 21h e é gratuito.

    Imprimir

    Ministérios Públicos assinam acordo com Volkswagen sobre repressão na ditadura

    Em ajuste com MPF, MPSP e MPT, empresa destinará R$ 36,3 milhões a iniciativas de reparação e promoção dos direitos humanos

    23 de setembro de 2020 - A Volkswagen do Brasil assumiu o compromisso de destinar R$ 36,3 milhões a ex-trabalhadores da empresa presos, perseguidos ou torturados durante o governo militar (1964-1985) e a iniciativas de promoção de direitos humanos e difusos. A disponibilização dos recursos foi anunciada nesta quarta-feira em uma nota pública dos Ministérios Públicos Federal (MPF), do Estado de São Paulo (MPSP) e do Trabalho (MPT). As três instituições firmaram com a Volkswagen um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), um acordo extrajudicial que estabelece obrigações à empresa para que não sejam propostas ações judiciais sobre a cumplicidade da companhia com os órgãos de repressão da ditadura.

    Imprimir

    Empresa é condenada a adequar acessibilidade física e cumprir a cota legal para pessoas com deficiência e reabilitadas

    Decisão é resultado de ação civil pública ajuizada pelo Ministério Público do Trabalho em São Bernardo do Campo

    São Bernardo do Campo, 17 de setembro de 2020 - A Paranapanema S/A foi condenada pela 11ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região a adequar fisicamente suas instalações em prol da acessibilidade e a contratar pessoas com deficiência ou reabilitadas para cumprir a cota legal. A decisão é resultado de uma ação civil pública (ACP) ajuizada pelo Ministério Público do Trabalho em São Bernardo do Campo.

    Imprimir

    MPT processa Petrobrás por manter trabalhadores em cárcere privado

    Empregados da Refinaria Presidente Bernardes de Cubatão chegaram a passar 8 dias consecutivos impedidos de voltar para casa, mesmo com habeas corpus da justiça do Trabalho


    Santos, 14 de setembro de 2020 – A Petrobrás Petróleo Brasileiro S/A foi processada na semana passada pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) em Santos, acusada de manter em cárcere privado cerca de 73 trabalhadores entre os dias 6 e 17 de fevereiro deste ano. O MPT pede R$ 100 milhões em danos morais coletivos, além de indenizações individuais a cada trabalhador prejudicado.

    Imprimir

    • banner pcdlegal
    • banner abnt
    • banner corrupcao
    • banner mptambiental
    • banner radio
    • banner trabalholegal
    • Portal de Direitos Coletivos